Centro Antigo de Salvador

ladeira_santana
Igreja de Santana/Nazaré - Centro Antigo de Salvador - Foto: Divulgação


O Centro Antigo de Salvador é uma área de 7 km², que inclui em sua extensão territorial 11 bairros da capital baiana como Centro, Barris, Tororó, Nazaré, Saúde, Barbalho, Macaúbas, parte do espigão da Liberdade, Santo Antônio e Comércio, além do Centro Histórico.

Já o Centro Histórico de Salvador (CHS) foi tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), em 1984, e reconhecido pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) como Patrimônio da Humanidade, em 1985. Com 0,8 km², a delimitação do Centro Histórico inicia próximo ao Mosteiro de São Bento e segue até o Forte Santo Antônio Além do Carmo.

No Centro Antigo, território onde estão concentrados 70% dos equipamentos e negócios culturais da capital baiana, a CONDER vem desenvolvendo ações nas áreas de habitação, infraestrutura urbana, acessibilidade, recuperação externa de prédios históricos, reforma de casarões para uso habitacional e manutenção e limpeza constantes do patrimônio que integra o rico conjunto arquitetônico. 

Linhas de Ação

Manutenção
As antigas edificações existentes nesta região da cidade são importantes marcos históricos e, para a preservação, é fundamental o trabalho de conservação de fachadas.
Pavimentação de ruas do Centro Antigo
O projeto tem como finalidade a pavimentação de vias e requalificação de calçadas com melhorias na acessibilidade em mais de 280 vias de toda a região antiga da cidade.
Habitação social
Uma das prioridades estabelecidas no Plano de Reabilitação do Centro Antigo é a fixação dos antigos moradores e a atração de novas pessoas e negócios para a região.
Ladeira do Pax
A reforma de telhados e pavimento, assim como a recuperação de praças e largos, também integram a série de ações para manutenção da área do Centro Histórico.
Baixa dos Sapateiros
Quem transita pela região já percebe as melhorias, com a recuperação de vias, passeios e praças.
Entorno da Arena Fonte Nova
O investimento é de R$ 11 milhões para a substituição de meio-fio, demolição dos passeios antigos e construção de novos em concreto lavado.