Moradores conhecem projeto de urbanização complementar da área da encosta São José, na Liberdade

Área de Atuação
Habitação, Encostas e Macrodrenagem
Equipe da CONDER explica projeto aos moradores

O Governo do Estado realiza uma série de obras de contenção de encostas em diferentes pontos da capital baiana e no município de Candeias, na Região Metropolitana de Salvador (RMS). Trata-se do Programa de Prevenção a Desastres Naturais, em execução pela Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (CONDER). Nesta semana, técnicos das equipes de Projeto, Engenharia e Social reuniram-se com moradores das ruas Pedro Ferrão e São José para apresentar detalhes do projeto de urbanização complementar, que integra o serviço de estabilização da encosta São José, no bairro da Liberdade.

Considerada a maior obra de contenção executada pelo Governo do Estado, em Salvador, numa área de 20 mil metros quadrados (equivalente a três campos de futebol), a encosta São José beneficiará cerca de duas mil pessoas. Já foram realizados 90% dos serviços, utilizando as técnicas de solo grampeado, cortina atirantada e alvenaria de pedra.

“Nosso projeto também prevê outras melhorias, além da contenção propriamente dita. Hoje, estamos reunidos com os moradores, apresentando a proposta que elaboramos para a implantação dos equipamentos de uso comunitário”, esclarece o arquiteto Flavio Rocha, da Diretoria de Habitação e Urbanização Integrada (DIHAB/CONDER).

Os moradores conheceram os detalhes da nova praça, que está sendo projetada pela CONDER, na área, onde funciona hoje o canteiro de obras da encosta São José, localizada na Rua Coronel Pedro Ferrão. Lá, serão construídos espaço de ginástica com equipamentos de academia ao ar livre para crianças e adultos; parque infantil; anfiteatro para pequenos eventos e atividades da comunidade; quadra de basquete de rua, além de uma área de convívio, onde haverá um pergolado com banco e conjunto de mesa e cadeiras.

O estudante de ensino médio, Fabrício Reis, está animado com a proposta apresentada. “Agora, teremos um espaço de lazer perto de casa. Um local, onde a gente possa encontrar os amigos, conversar e fazer alguma atividade física”, comemora o adolescente de 15 anos, que mora desde que nasceu na localidade. Sua vizinha, dona Olisdete Santos tem a mesma opinião. Para ela, já aposentada, o espaço será uma alternativa para a prática de atividade física. "Minha filha, por exemplo, não vai precisar sair daqui e ir longe para fazer suas caminhadas”, declara.

Encosta

Estão sendo beneficiados 47 bairros de Salvador e outros três de Candeias, na região metropolitana, com as obras, que prevê 107 áreas consideradas como de risco alto e muito alto, somando um investimento de R$ 216 milhões. No total, 50 encostas já foram concluídas.

Em junho deste ano, também no bairro da Liberdade, foi finalizada a obra de contenção na Rua Major Cunha Matos e Travessa São Domingos, com investimento de R$ 1 milhão, beneficiando, diretamente, 78 famílias que conviviam com o medo de um possível deslizamento de terra no período de chuva. No local foi utilizada a técnica de solo grampeado em uma extensão de aproximadamente 1.500 metros quadrados. As intervenções também incluíram serviço de urbanização e instalação de um parque infantil, onde antes ficavam as casas que foram levadas no deslizamento da encosta.