CONDER entrega ruas requalificadas no Comércio antes do Natal

Área de Atuação
Centro Antigo de Salvador

O local mais antigo da cidade do Salvador, o bairro do Comércio, está recebendo serviços de requalificação de ruas, com serviços finalizados ainda antes desta terça-feira (24), data do Natal. A iniciativa é do Governo do Estado, via diretoria de Habitação e Urbanização Integrada (Dihab) da Companhia de Desenvolvimento Urbano da Bahia (Conder) no seu escritório do Centro Antigo de Salvador (CAS). As obras totalizam a requalificação de quase 900 metros de extensão de uma praça e 10 ruas e calçadas no Comércio. Os trabalhos acontecem nos turnos diurnos e noturnos para ser mais rápido e evitar mais transtornos às pessoas e veículos.

“Neste final de semana estamos finalizando os serviços de limpeza de um quarteirão atrás do edifício da Associação Comercial da Bahia (ACB) – imóvel tombado como Patrimônio do Brasil desde 1938 –, onde estão três ruas e uma praça totalizando 193 metros de extensão”, explica o coordenador da Dihab/Conder, Querobim Lemos. Segundo ele, outras seis ruas (Torquato Bahia, Pinto Martins, Conselheiro Dantas, Francisco Camerino, Conde dos Arcos e Travessa Frederico Pontes) que totalizam mais 618 metros de extensão, já foram finalizadas e asfaltadas.

“Os serviços nas ruas incluem desobstrução de drenagem, assentamento de guia (meio fio de concreto), execução de concreto lavado com gravilhão para garantir mais resistência e piso antiderrapante, além de sistema completo de acessibilidade nas calçadas”, detalha o engenheiro fiscal das obras da Dihab/Conder, Angelo Bastos. No caso do quarteirão atrás da ACB Angelo informa que as vias estão com piso intertravado em blocos de concreto. A ação integra o Projeto ‘Pelas Ruas do Centro Antigo de Salvador’, que pavimenta vias e requalifica calçadas. O investimento chega a R$ 124 milhões do Tesouro estadual, beneficiando 313 ruas, em 11 bairros do CAS, incluindo a Rua Chile e mais 17 ruas do Centro Histórico de Salvador. A Dihab/Conder também faz obras de manutenção de ruas e fachadas de casarões do Pelourinho.

Jequitaia, Elevador e Casa do Idoso

O bairro do Comércio surge quando o então governador geral do Brasil, Tomé de Souza, decide em 1549, começar a construção da cidade em cima da falha geológica de cerca de 70 metros, onde está hoje a Praça Municipal da capital baiana. Para isso, ele cria na parte de baixo – atual Comércio – condições para os barcos aportarem assim como novos acessos de transporte entre as duas alturas. Historiadores relatam e fotos comprovam que até final do século XIX o mar chegava até o prédio da Associação Comercial da Bahia, estando as ruas requalificadas pela Dihab/Conder justamente na parte mais antiga da região que sempre foi terra seca.

Além das 10 ruas e uma praça, ainda no Comércio a Conder deve realizar requalificação em granito na entrada de 128 m² da parte de baixo do Elevador Lacerda. Também na Cidade Baixa, no trecho entre o Trapiche Barnabé e a Cesta do Povo, a Dihab/Conder requalifica a Avenida Jequitaia – obra ainda não finalizada –, logradouro aberto originalmente a partir de 1939. No último dia 4 de dezembro a Dihab/Conder também entregou a obra da Casa do Idoso do Pelourinho – que beneficia mais de 200 idosos daregião –, localizada entre o Largo Quincas Berro D’Água e a Rua João de Deus. A Conder é vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Urbano do Estado (Sedur). Mais informações, no site www.conder.ba.gov.br