Jerônimo anuncia abertura de licitação para duplicação da Via Artêmio Valente, em Salvador

Área de Atuação
Mobilidade

Durante visita ao Estádio Manoel Barradas, na manhã desta segunda-feira (24), o governador Jerônimo Rodrigues anunciou a publicação do edital de licitação para as obras de duplicação da Via Artêmio Valente, no Diário Oficial do Estado da Bahia, desta terça-feira (25). A obra será realizada pela Companhia de Desenvolvimento Urbano (Conder), empresa vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Urbano do Estado (Sedur), com investimento de R$ 12 milhões.

Jerônimo anuncia abertura de licitação para duplicação da Via Barradão, em Salvador
Licitação para duplicação da Via Barradão será publicada nesta terça-feira (25)


A intervenção compreende 1,2 quilômetro da Rua Artêmio Valente, no trecho da Praça Júlio Rêgo até a Avenida Mário Sérgio, no bairro de Canabrava, em Salvador. Na ocasião, o governador pontuou que o projeto é uma continuidade à estratégia de ampliação da mobilidade nos bairros mais populosos da capital baiana, permitindo melhor acesso ao sistema de transporte público da cidade.


“O investimento para o bairro de Canabrava surgiu a partir do diálogo com as associações envolvidas e moradoras dessa região, além de ser uma demanda concreta do Esporte Clube Vitória, já que todos os dias de jogo de futebol a mobilidade fica prejudicada, tanto para os torcedores quanto para os profissionais, ambulantes, vendedores e moradores”, declarou o governador.

O presidente da Conder, José Trindade, destacou a abrangência da obra e os benefícios para a população. “A obra contará com a duplicação da via, em que serão implantadas duas faixas em cada sentido, além da construção de canteiro central, duas faixas de ciclovia, urbanização e iluminação, permitindo melhor acesso ao Barradão, e principalmente o acesso a todo mundo que mora neste entorno aqui de Canabrava, Trobogi, Pau da Lima e toda a região vizinha”, explicou Trindade.


Moradora do Vale dos Lagos, bairro vizinho ao Barradão, e frequentadora assídua do estádio do Esporte Clube Vitória, a representante da torcida Leão Chopp, Clarissa Albergaria comentou sobre a expectativa da intervenção. “É um alívio para questão da acessibilidade. Realmente, além do bairro ser populoso, tem a questão da viabilidade nos eventos do estádio, e também para Salvador, porque é uma via de bifurcação para outras partes da cidade. Então é política pública de acessibilidade para cidade inteira”, opinou a torcedora.
 

Termos