Conder promove Pedágio Educativo Ambiental com entrega de mudas e lixocar em Lauro de Freitas

Área de Atuação
Habitação, Encostas e Macrodrenagem

 

“A parada é preservar!” Esse foi o lema das duas edições do Pedágio Educativo Ambiental realizado em Lauro de Freitas pela Companhia de Desenvolvimento Urbano da Bahia (Conder), através do Projeto Técnico Social (PTS) executado pelo Consórcio Ipitanga. 

Conder promove Pedágio Educativo Ambiental com entrega de mudas e lixocar em Lauro de Freitas
Conder promove Pedágio Educativo Ambiental

 A atividade contou com a presença do mascote do projeto e visou   sensibilizar os beneficiários das intervenções de macrodrenagem   na região sobre o descarte de resíduos e a mudança de atitudes   para preservação do meio ambiente. Durante as duas tardes da   ação de educação ambiental realizada nos semáforos de grande   circulação da cidade, foram distribuídas 800 unidades de lixocar   personalizado e muda de planta nativa ou ornamental para os   pedestres e motoristas, que foram sensibilizados com   mensagens  de temática ambiental. 

 “Achei muito importante essa ação da Conder e do projeto,   conscientizando as pessoas sobre o meio ambiente, para não   jogarem o lixo na rua e cuidarem da natureza. Com essa planta   entregue podemos multiplicar essa mensagem de preservação”,   afirmou a moradora Sueli Lima durante a abordagem.

 Em sua estreia, o mascote habitável do projeto, Pitanguinha,   integrou as abordagens com a equipe de animação de forma   lúdica com placas educativas. “Nosso mascote foi inspirado em   uma iguana, animal mais resgatado nas intervenções de macrodrenagem, e hoje temos ele em boneco, como mais uma ferramenta para engajar os beneficiários e reforçar a identidade do projeto nas ações socioeducativas e ambientais”, avaliou Luciano Marins, assessor de comunicação do PTS Joanes-Ipitanga.

Para Letícia Santos, mobilizadora social do PTS Joanes-Ipitanga, as edições do Pedágio Educativo Ambiental foram fundamentais para chamar atenção dos moradores sobre a preservação ambiental. “Através dessa ação, conseguimos mobilizar públicos diferentes e sensibilizá-los para a mudança de hábitos e atitudes. A expectativa é que todos possam espalhar essa semente de transformação em prol do meio ambiente”, pontuou.

As duas edições da atividade tiveram o suporte dos agentes da Secretaria Municipal de Trânsito, Transporte e Ordem Pública (SETTOP) de Lauro de Freitas. Na ocasião, o superintendente do órgão, Smith Neto, também elogiou a ação. “Esse projeto é de sua importância para estimular a reflexão ambiental das pessoas que passam pelo nosso município e são impactadas diretamente através das obras de macrodrenagem”, afirmou.


Educação Ambiental e Patrimonial

O Pedágio Educativo Ambiental é uma das atividades promovidas pela Conder, através do PTS Joanes-Ipitanga, e que integra o eixo de Educação Ambiental e Patrimonial do projeto. O objetivo do eixo é manter os moradores das intervenções de macrodrenagem sensibilizados e mobilizados para mudança de atitudes e comportamentos em relação ao meio ambiente, ao patrimônio e à vida saudável.

Dentro desse eixo já foram realizadas reuniões de sensibilização para uso dos equipamentos construídos pela obra, instalação de placas educativas nos reservatórios de amortecimento, oficina de reparos residenciais para mulheres, oficina de pintura em sacolas ecológicas e oficina de educação ambiental para montagem de horta e composteira doméstica.

Prevista para agosto, a próxima atividade desse eixo será a terceira edição do Meio Ambiente em Movimento, com inscrições abertas até o dia 18 de agosto pelo site ou no escritório social do PTS Joanes-Ipitanga. Na ocasião, os participantes terão a oportunidade de visitar o Parque das Dunas e dialogar sobre a importância de novos hábitos de respeito e cuidado com o meio ambiente.

Para mais informações, acesse o site do projeto: www.ptsjoanesipitanga.com.br.

Termos